Viagem fantástica ao Europa Park

Posted by

Em 2007, visitamos este parque temático que apesar de pouco conhecido em Portugal, é o segundo maior parque temático da Europa, depois da Disneyland Paris. Foi inaugurado em Rust, na Alemanha, em 1975 por construtores de montanhas russas — a família Mack — e desde então tem sempre vindo a crescer, com novas atracções todos os anos.

Como não podia deixar de ser, optamos por um voo low cost da Ryanair. Depois de aterrar no aeroporto de Frankfurt-Hahn (a 300 km de Rust), tinhamos à espera uma viatura da Hertz, alugada claro está, através do site da Ryanair (os preços são deveras apelativos!). A Ryanair voa também para o aeroporto de Karlsruhe-Baden que fica somente a 75 km de Rust.

Demos um saltinho a Hofheim, perto de Frankfurt, para ver de perto e acima de tudo experimentar o famosíssimo restaurante Waldgeist. Lá tudo é XXXXXL desde os hamburguers ao Schnitzel (uma das especialidades do restaurante) , passando pelos bifes e bebidas.

Como todos os pratos são gigantes, o restaurante tem a gentileza de oferecer papel de prata aos clientes, para que possam embrulhar e levar para casa o que já não conseguiram comer. Imaginem só que, do nosso hamburguer XXL para dois, e após comer, comer e comer, ainda sobrou um pedaço para embrulhar!

30 centímetros de hamburguer! …
… e o que restou dele!

Em Rust, ficamos alojados numa casa de hóspedes familiar, muito acolhedora e gerida por um casal muito simpático: a Gästehaus Martina Krafft. Só podemos recomendar. Foi também aí que comprámos os bilhetes de 3 dias para o Europa Park.

Quarto na Gasthaus Martina Krafft

Depois de saborear o nosso primeiro pequeno-almoço (e depois de prepararmos a mochila com 2 ou 3 pães com fiambre e queijo, para aguentar melhor durante o dia) lá nos metemos a caminho da tão esperada diversão!

Euromaus, a mascote do parque

A temática do Europa Park, como o nome indica, é a Europa. Vários países estão lá representados e Portugal não é excepção; aliás, possui uma diversão, considerada por muitos, das melhores do parque, o Atlantica SuperSplash!

Atlantica SuperSplash

Uma boa estratégia, especialmente para quem tem pouco tempo para visitar o parque, é começar pela extremidade oposta à entrada principal. Foi precisamente o que fizemos! Logo à entrada, apanhamos o Europa Park Express que nos levou até Espanha. Este comboio futurista dá a volta ao complexo e é, por isso, óptimo para quem quer ter uma ideia global do parque.

Europa Park Express

Espanha está muito bem representada, desde as fachadas que reconstituem na perfeição uma pitoresca vila espanhola aos grupos musicais que animam o ambiente. Podemos assistir a um show de flamenco e a um espectáculo na arena com cavaleiros destemidos empunhando as suas armas numa batalha épica. Imperdível!

Fachadas tipicamente espanholas
A música é uma constante!
Arena Show – um espetáculo a não perder!

Vale a pena apreciar as paisagens típicas de cada país e assistir aos espectáculos que cada zona nos oferece. A não perder também, o Europa-Park Parade, uma parada repleta de carros alegóricos que acontece todos os dias  Os horários de todas as actividades estão disponíveis no mapa do parque que podemos recolher à entrada.

Europa-Park Parade
Europa-Park Parade

Há diversões para os mais pequenos com uma área dedicada à aventura, em que os jogos de água são, sem dúvida, a atracção principal. Para os mais graúdos existem inúmeras atracções, algumas das quais capazes de nos pôr a adrenalina ao rubro. Aqui vão algumas fotos para aguçar o apetite!

Escandinávia: Fjord Rafting
Áustria: Tirol Log Flume
Grécia: Poseidon
Russia: Euro-Mir
Suíça: Swiss Bob Run

Europa Park

Morada: Europa-Park – Strasse 2 – 77977 Rust – Alemanha
Website: www.europapark.com
Coordenadas GPS: 48.267184, 7.72047 (Ver no Google Maps)

  1. Olá, estou indo para o Europa Park agora em junho, e estou querendo saber se é possível conhecer o parque todo ou pelo menos a grande parte dele em um dia. Assim como, se pagamos na entrada ou pagamos em cada país ( Brinquedo ).

    Espero o retorno!

    1. Olá, a entrada do parque é paga uma única vez, e não país a país. Comprando um bilhete tem acesso a todas as atrações. Quanto à duração da visita, depende muito do tipo de visita que fizer. Conheço pessoas que visitam o parque num único dia, mas já o conhecem quase “de cor” e escolhem as atrações que interessam mais. Pessoalmente, acho que 2 dias seria o mais indicado para conhecer o parque todo (eu até podia ir mais tempo!). Boa viagem.

  2. Olá! Parabéns pelo post, está brutal!!
    Por acaso não sabes se existe algum grupo que organize viagens até este parque desde Lisboa? Adorava ir até lá, mas não estou a conseguir convencer nem familiares nem amigos 🙁 Sozinho também não terá piada nenhuma. Se existisse algum grupo que organizasse este tipo de viagem era muito bom! Obrigado!!

    1. Olá Ricardo!

      Não conheço, até porque não sou de Lisboa… Realmente ir sozinho não tem grande piada. Talvez pudesses tu criar um grupo e juntar algumas pessoas, divulgando a ideia 🙂

  3. Boa noite , encontrei o teu blog na pesquisa de informações sobre o europark.
    Se não for incomodo será que me podes solicitar como marcante as passagens na ryanar , e já agora os valores quec pagaste no total da viagem . Para me orientar .

    Muito obrigada , pela ajuda dispensada .

    Cumprimentos

    1. Olá Catarina,

      Já não me lembro os preços das passagens (foi uma promoção, isso lembro-me), mas foi feita a reserva no site da Ryanair.

      Se puder ajudar em mais alguma coisa, é só dizer 🙂

  4. eu já fui ao Europa Park um horror de vezes. Mais de 10 vezes. Sempre que lá vou há coisas novas, e nunca me canso de lá ir. O que mais gosto é de ver a decoração tipica de cada país. As diversões que mais gosto é “Euro-Mir”, “Woda” (construido em 2012), “Euro-Sat”. Este verão não vai ser excepção. Dia 28 de Julho, vou lá novamente.

  5. 😀 Pow cara!! to querendo ir la em agosto desse ano, vou passar 2 dias, queria saber se tem como você falar o que devemos fazer pra aproveitar melhor o parque, e se você poderia nos dizer o q fazer pra chegar la, estaremos em montreaux na suiça…

    1. Olá José,

      A melhor forma de aproveitar o parque é relativa; tudo depende dos gostos de cada um e da forma como preferem visitar. Aconselho a ver (e estudar um pouco) o mapa do parque, para se situarem melhor quando lá chegarem.

      Quanto à forma de lá chegar, nada melhor do que usar o Google. Mesmo no final do artigo tem um link do Google Maps, que indica a localização exacta do parque. Depois disso, pode-se programar uma viagem desde qualquer ponto. Desde Montreux, são cerca de 300 km de carro! 🙂

      1. o problema é que não vai ter ninguem que dirija pra poder ir de carro…. estavamos pensando em ir de trem.. mas não sabemos se compensa… vlw pelas dicas

  6. Olá. Eu já estive na Isla Magica em Sevilha e achei fantástico. Infelizmente nunca estive na Disneyland mas adoro parques temáticos. Este ano estava a pensar ir a este mas infelizmente não houve oportunidade. Quando lá for devo levar roupa para molhar? 😆 ❓

    1. Olá Gustavo,

      O Europa Park tem algumas atracções com água, e podemos sair delas um pouco molhados. Não me lembro de nenhuma onde fiquemos completamente encharcados, mas o ideal é contar que em algumas atracções não iremos sair completamente secos (estou a pensar, por exemplo, no Atlantica Superspash ou no Fjord Rafting)!

      🙂

    2. Olá Gustavo,
      Vou responder com mais de um ano de atraso mas talvez o ajude a si e aos outros que vejam esta página.
      Sou um grande apaixonado por parques de diversões, conheço a maior parte na Europa e de longe este é o melhor.
      Gostaria de dizer que este ano o Europa Park foi eleito o melhor parque da Europa e o 3º melhor do mundo.
      Acrescento que o melhor é ficar num dos 5 hoteis do parque. Os quartos são um sonho e um delírio para as crianças. Ficando nos hoteis no parque existe bilhete de 3 dias de entrada.

  7. olha por acaso nao podes dizer como é que fizestes as reservas?? é que eu tou a pensar ir no verão de 2011, e nao consigo arranjar nenhuma agencia de viagens para esse parque… nao me podias dizer

    1. Olá João,

      Reservei o quarto na Gasthaus Martina Krafft (directamente no site deles), e em conjunto com o alojamento comprei os bilhetes de 3 dias para o parque, uma vez que no parque em si, só haviam bilhetes para 2 dias. Desta forma acabou por ficar por um preço bastante razoável. O voo foi reservado na Ryanair, e aluguei um carro na Hertz (também através da Ryanair).

      Espero ter ajudado! Se precisares de mais informações, é só dizer 🙂

        1. Olá João,

          A Gasthaus Martina Krafft não é bem uma pensão, mas uma casa familiar na qual podes alugar um quarto. Os preços estão no site deles; tem lá as várias possíbilidades de quarto e os respectivos preços. Por exemplo, se alugares um quarto para 4 pessoas, o preço indicado é de 92€ por noite, com um pequeno-almoço fabuloso. Também tem os preços dos bilhetes para o parque, mas nada como contactar directamente a família Krafft para tirar todas as dúvidas! 🙂

          Podes também ver mais informações no nosso artigo sobre a Gasthaus Martina Krafft!

          1. obrigado olha desculpa lá tantas perguntas… mas mais ou menos quanto é que fica tudo junto, o alojamento e as entradas no parque? obrigado pela resposta

          2. Olá João,

            Não sei quantos dias tencionas ficar lá alojado, nem quantos dias queres ficar no parque. Obviamente, isso é informação relevante para poder saber os valores. No entanto, no site que te indiquei está a informação toda. Só falta mesmo o valor do bilhete de 3 dias no parque, mas isso só se consegue saber contactando directamente os proprietários da casa. Como já disse anteriormente, nada como os contactar directamente para esclarecer todas as dúvidas! 🙂

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.