Máquina digital Canon PowerShot D10

Posted by

Para as nossas férias de Verão de 2009, em Punta Cana, procurávamos uma solução para podermos tirar fotografias debaixo de água. Afinal, quem não gostaria de trazer recordações do snorkeling e da paisagem sub-aquática das Caraíbas? Depois de alguma pesquisa, verificamos que tínhamos 3 hipóteses.

Uma bolsa estanque:

Estas bolsas (por exemplo da marca Aquapac) têm a vantagem de ser bastante económicas: custam cerca de 30 euros. Para além disso adaptam-se a vários modelos de máquinas fotográficas, e mesmo a telemóveis ou PDAs. No entanto, o facto de ter o plástico maleável em frente à lente da máquina distorce um pouco as fotografias e reduz a qualidade de imagem. O manuseamento da máquina pode também não ser tão fácil; existe o risco de estarmos a carregar em 2 botões ao mesmo tempo, por exemplo. A profundidade máxima recomendada vai, normalmente, até aos 5 metros, o que será suficiente para uma utilização normal.

Bolsa estanque Aquapac

Uma caixa estanque:

A grande vantagem das caixas estanques é o nível de protecção aquática que conferem a uma máquina. A profundidade máxima é normalmente bastante superior (até cerca de 40 metros ou mais). No entanto, é um equipamento bastante dispendioso (com preços a partir de 200 euros) e normalmente usado por profissionais. Tem a desvantagem de ser específico para cada modelo de máquina; ou seja, se mais tarde mudar de máquina, tem de mudar de caixa estanque. Outro pormenor que pode ser importante é o tamanho. Com uma caixa estanque, a máquina fica consideravelmente maior, o que reduz bastante a portabilidade do equipamento.

Caixa estanque

Uma máquina aquática:

Vimos algumas máquinas à prova de água de várias marcas, que tinham a vantagem de ser compactas e não demasiado dispendiosas. No entanto, a qualidade de imagem era normalmente um pouco fraca; vimos máquinas com uma qualidade de imagem boa dentro de água, mas fraca no exterior, ou vice-versa.

Mas a Canon tinha acabado de lançar a primeira máquina aquática compacta, e segundo alguns especialistas, dentro da sua gama, era uma máquina muito promissora. E como a Canon é uma referência incontestável no mundo da fotografia, decidimos comprar e experimentar a PowerShot D10.

Canon PowerShot D10

A PowerShot D10

Encontramos esta máquina à venda em algumas lojas. No entanto, a Pixmania era, de longe, a que tinha o preço mais vantajoso: cerca de 60 euros a menos!

É uma máquina ideal para todo o tipo de utilizações, mesmo as mais radicais, desde o surf ao montanhismo, passando pelo snorkeling e pelo ski. Senão veja:

  • É à prova de água até 10 metros de profundidade. É mais do que suficiente para uma utilização amadora da máquina.
  • É à prova de quedas até 1,20 metros. Se por acaso a máquina cair, é uma mais valia: poderá eventualmente sofrer uns arranhões, mas continuará funcional.
  • É à prova de pó (ou de lama, terra, ou outras sujidades). Isto é extremamente prático, porque no caso de sujarmos a máquina, basta passá-la por água para a lavar!
  • Aguenta temperaturas até -10ºC. Possibilita a sua utilização em climas bastante frios, sem que a máquina congele.

Mesmo sendo uma máquina muito robusta, a Canon não descurou as restantes características:

  • 12.1 megapíxeis;
  • zoom óptico de 3.0x com estabilizador de imagem e zoom digital até 12x;
  • LCD de 2,5″;
  • Modo de fotografia automático inteligente com detector de cenas (e que funciona bastante bem);
  • Permite o uso de cartões de memória SD, SDHC, MMC, MMCplus e HC MMCplus;
  • Tem uma montanha de modos de fotografia diferentes e outros mecanismos automáticos para que a fotografia fique sempre bem, como por exemplo detecção de caras e correcção de olhos vermelhos;
  • Possibilidade de imprimir directamente na impressora sem o uso de computador, com o PictBridge.
Canon PowerShot D10

Depois de pouco mais de um ano de utilização, estamos completamente satisfeitos com esta máquina, e é realmente muito prático podermos levá-la para qualquer lado.

A qualidade das fotografias, tanto dentro como fora de água, é muito boa. As imagens têm cores vivas e boa definição. O manuseamento da máquina é muito simples; para quem não se quiser preocupar com configurações, o modo automático define todos os parâmetros de uma forma bastante eficaz. Mas para quem quiser tirar uma foto com parâmetros específicos, a máquina permite várias configurações.

Para além disso, tem um aspecto jovem, e é muito ergonómica; a ausência de arestas vivas torna-a bastante confortável na mão. O facto de poder encaixar a fita de pulso nos 4 cantos da máquina também é interessante. Já agora, é aconselhável usar sempre a fita de pulso, em particular no mar, não vá a máquina nos escorregar da mão e ir parar ao fundo do oceano! :)

Com a máquina, comprámos um cartão SDHC de 8GB. Tem uma capacidade de armazenamento mais do que suficiente (cerca de 3900 fotos) para não nos preocuparmos com troca de cartões ou, ainda pior, em ficar com os cartões de memória cheios. Mas mesmo para os mais entusiastas, é possível adquirir cartões de memória com capacidades ainda superiores, até 64GB!

Adquirimos também uma segunda bateria, para não correr o risco de ficar sem bateria a meio de uma visita; para além disso é mais prático ter a segunda bateria, porque podemos continuar a usar a máquina enquanto carrega a outra bateria (pois o carregador é externo).

Existe também uma série de acessórios, nomeadamente umas tampinhas de cor que permitem substituir a tampa azul original.

Acessórios para a PowerShot D10

Mais informações

Para mais especificações sobre esta máquina fotográfica, visite o site da Canon aqui:
Canon PowerShot D10

 

 

  1. Olá, gostaria de saber se esta câmera realmente não precisa de bolsa ou caixa estanques, porque já tive uma sansung a prova dágua e entrou água no primeiro segundo em que a molhei e deu problema. Gostaria de uma que fosse realmente resistente a mergulhos. Obrigada.

    1. Olá Denise,

      A máquina é realmente à prova de água; até agora, já a utilizei em vários locais debaixo de água: tanto no mar, como na piscina, como em tempo de chuva, e até já a lavei debaixo da torneira sem problema nenhum! Como diz nas especificações, é resistente até 10 metros (mas pessoalmente, só a testei até cerca de 3 metros de profundidade).

      Até agora, estou 100% satisfeito com ela!

  2. Amigo Gil (engraçado que o meu diminutivo também é Gil) você deu-me uma excelente ideia com esta máquina, já havia algum tempo que procurava uma coisa assim. Possivelmente será a máquina que irei comprar para substituir a minha Sony Cyber-Shot.

    Obrigado

    1. Olá Gil!

      Pois o meu nome também é Gil, e também é engraçado o facto de eu usar Mac 😉
      Na altura esta máquina veio substituir precisamente uma Cybershot da Sony. Aproveita a campanha em vigor na Pixmania, está com um desconto muito interessante! 🙂

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.